Entenda os riscos do trabalho sentado.

 

ergonomia

Hoje vamos discutir um pouco sobre os efeitos do trabalho sentado no nosso corpo.

A princípio trabalhar sentado aparenta maior comodidade e menor esforço físico, no entanto, pode ser mais maléfico do que se pensa.

A grande maioria das pessoas, atualmente, passa a maior parte do seu tempo sentada em suas cadeiras e computadores, que compõem um posto de trabalho onde muitas vezes o espaço ofertado não é compatível ao próprio tamanho. Além do próprio espaço físico, o estilo de trabalho adotado na maioria dos escritórios e empresas leva um ritmo aceleradíssimo, não permitindo uma maior movimentação de seus funcionários pela empresa.

Passar muitas horas sentado aumenta o estresse na coluna, provoca dores e fadigas musculares causadas pela má postura e movimentos repetitivos, o que acaba tornando o indivíduo ainda mais sedentário.

A posição estática quando ocorre por muitas horas seguidas, aumenta o desconforto nos membros inferiores, devido à maior dificuldade do retorno venoso, provoca desequilíbrio muscular, principalmente na região posterior de tronco, membro superior e pescoço, responsáveis pela maior parte dos casos de dores desses trabalhadores e que podem evoluir a grandes prejuízos musculoesqueléticos.

Para contrabalancear todos os prejuízos, recomenda-se pausas ativas a cada 1h, tanto para pequenos alongamentos, ainda que sentados, quanto para levantar e ir a outro setor do ambiente, facilitando a oxigenação do corpo e auxiliando na diminuição dos episódios de dor.

Então esse é o segredo! Pratique atividade física, dentro ou fora do expediente, para diminuir suas dores e melhorar seu desempenho!  

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s